26 de jun. de 2019

Só vamos reconstruir a democracia pondo pra correr esses generais covardes

Os generais, na ativa ou de pijama, esbravejam, gritam ameaças, dão murros na mesa. Dizem que não vão permitir que Lula seja solto. Falam abertamente em intervenção militar, quando não em guerra civil.

Se houvesse qualquer intenção de pelo menos manter as aparências, a essa altura o Estado-Maior do Exército já teria soltado uma nota garantindo que não se mete nas decisões do Judiciário, muito menos do Supremo, e que não tem posição sobre o pedido de habeas corpus.

Não estou pedindo muito - nem mesmo uma admoestaçãozinha verbal para os gorilas, muito menos a prisão que eles merecem. Só uma notinha pública, genérica.

Mas nem isso. Eles querem mesmo passar recado, o mais explicitamente possível.

Querem que os democratas fiquem com medo. Não acho que devamos ficar.

O que eles nos prometem em troca de nos curvarmos à sua vontade não é aceitável.

Manter Lula preso não é apenas privar injustamente da liberdade uma pessoa, o que já seria um absurdo.

É o simbolo de que as regras do jogo continuarão viciadas, de que a lei não impera, de que o campo popular não terá nenhuma chance.

É bom lembrar também que o Exército fala grosso contra os fracos, mas é para esconder o medo que tem do povo brasileiro.

Só vamos reconstruir a democracia pondo pra correr esses generais covardes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.