13 de fev de 2019

Bolsonaro tem que dar errado para o Brasil dar certo

E Lula tem que morrer na cadeia!


O Conversa Afiada publica artigo sereno (sempre!) de seu colUnista exclusivo Joaquim Xavier:

“Torço para que dê certo”. Atrás desta frase aparentemente pró-Brasil, milionários, políticos covardes, colunistas e editorialistas da mídia gorda, além dos oportunistas em geral, pedem um voto de confiança à gestão da famiglia Bolsonaro.

O que significa “dar certo” para esta gente?

Entregar o país aos tubarões financeiros internacionais a preço de liquidação e à custa do desmonte do que ainda resta da indústria nacional.

Acabar de fato com a aposentadoria em favor da banca privada, adotando o modelo chileno que custou 45 mil vidas na ditadura Pinochet — fora os idosos levados à morte ou ao suicídio.

“Combater” o desemprego com a transformação dos trabalhadores numa legião de bóias-frias, sem direitos históricos como décimo-terceiro, fundo de garantia e férias.

Levar milicianos e seus cúmplices para o coração do poder com a cobertura solene do sobrenome presidencial.

Roubar dinheiro público na cara dura, como tudo indica ocorreu na eleição de um sem número de parlamentares do PSL — Partido Só de Laranjas.

Tingir de verde oliva dezenas de cargos chaves da administração, fato inédito mesmo no período da ditadura militar.

Considerar apenas “incidentes” homicídios em massa como o cometido pela Vale privatizada em Brumadinho.

Incentivar o faroeste no campo e na cidade e fuzilar a sangue frio suspeitos em comunidades pobres como aconteceu há poucos dias no Rio.

Converter brasileiros em bucha de canhão para os planos de Donald Trump & Cia de apagar vestígios de governos progressistas mundo afora.

Exterminar das escolas qualquer espírito crítico, numa volta aos tempos em que a Bíblia era a bússola do “conhecimento”.

Suprimir as chances de a maioria dos jovens ingressar na universidade, declarada a partir de agora patrimônio exclusivo da “elite” (?) nacional.

Criminalizar os movimentos sociais, incentivar a homofobia e aplaudir os adversários da diversidade e igualdade de oportunidades, inclusive salariais, entre homens e mulheres.

Eliminar da história personagens como Chico Mendes., reconhecido mundialmente como uma das maiores lideranças ambientalistas do planeta.

E, claro, manter Lula na cadeia até o último suspiro.

Tudo isso, quando já não está em prática, faz parte dos planos confessos e assumidos da famiglia no poder, sua equipe de primeiro escalão e apoiadores de primeira e última hora.

Qualquer democrata sincero torce para que tudo isso dê errado, e que o pesadelo experimentado desde primeiro de janeiro termine o mais rápido possível para o Brasil dar certo.

Joaquim Xavier

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.