17 de jan de 2019

Boulos entrará com ação judicial contra desembargadora por incitação ao crime


A desembargadora é conhecida por ofensas contra uma professora com síndrome de Down e à vereadora assassinada do Rio, Marielle Franco, entre outros

A desembargadora do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ), Marília Castro Neves, conhecida por ser alvo de vários processos por ataques na internet, desta vez deve responder por incitação ao crime. O autor da ação será o líder do Movimento dos Sem Teto (MTST), Guilherme Boulos.

Após postagem de um meme o atacando, Boulos retuitou:

“Esta é a desembargadora Marília Castro Neves, do TJ do Rio de Janeiro. Já responde judicialmente por ofensas a Marielle Franco e outras postagens inadequadas. Um magistrado tem que ter equilíbrio, não pode incitar ao crime. Agora responderá mais uma ação judicial.”

Entre os ataques da procuradora estão ofensas contra uma professora com síndrome de Down, à vereadora assassinada do Rio, Marielle Franco, entre outros.

Leia mais sobre o assunto aqui.

No Fórum

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.