17 de dez de 2018

Moro dá secretaria à subprocuradora militante das 10 Medidas Contra Corrupção


O futuro ministro da Justiça Sergio Moro anunciou a subprocuradora da República Maria Hilda Marsiaj como futura titular da Secretaria Nacional de Justiça. Maria é militante do pacote que ficou conhecido como 10 Medidas Contra Corrupção, que a Lava Jato tentou emplacar no Congresso há 2 anos.

A nova secretária chegou a participar de eventos contra a corrupção ao lado do ministro anunciado da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que revelou recentemente, em entrevista à GloboNews, que sua relação com Sergio Moro existe desde o Mensalão.

Em vídeos divulgados na internet, Maria cita o pacote contra a corrupção e pede apoio aos políticos que tentavam aprovar o projeto de lei do Congresso. "Apoie o relator [Onyx] a manter a integridade dessa proposta", apelo a seus seguidores. O próprio Moro disse que sua prioridade enquanto ministro será aprovar as 10 medidas de maneira fatiada.

Mais recentemente, a subprocuradora assinou uma carta pública de membros do Ministério Público em favor da nomeação de Sergio Moro para a Justiça. A nota dizia ainda que a escolha de Moro pelo presidente eleito, Jair Bolsonaro, reafirmava “seu compromisso com o combate à corrupção e à insegurança pública, que tantos males têm causado ao povo brasileiro”.

A imprensa divulgou nesta segunta (17) que Maria Hilda é "gaúcha, trabalhou na Procuradoria Regional da República da 4ª Região (localizada em Porto Alegre), atuou na força-tarefa da Lava-Jato no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e na demarcação de terras indígenas de Passo Grande do Rio Forquilha, localizada nos municípios de Cacique Doble e Sananduva, e Votouro-Kandoia, que se estende pelos municípios de Faxinalzinho e Benjamin Constant do Sul."

Em seu nome consta uma sociedade na "Agropecuaria Passo Do Remanso Ltda", situada em Uruguaiana, Rio Grande do Sul. Criada em 2004, a empresa cria bovinos para corte.

No GGN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.