16 de dez de 2018

Bolsonaro (filho) quer a pena de morte

Antes tem que rasgar (de novo) a Constituição de 88

"Eu sei que é uma cláusula pétrea. Porém, existem exceções"
Reprodução: O Globo
Eduardo Bolsonaro é um míssil não dirigível, terra-mar-e-ar.

Ele veste o boné do Trump, leva a embaixada para Jerusalém e presta continência ao pai dos Xi! Cago Boys do Chile.

Ele tentou visitar uma cadeia da Indonésia (Indonésia) para ver (ou assistir ao fuzilamento?) dos brasileiros ali condenados à morte por tráfico de drogas.

Agora, se sabe que ele quer convocar um plebiscito - já se sabe qual será o resultado... - para aprovar a pena de morte (fuzilamento ou ter que ler as obras completas do FHC?) em caso de tráfico de drogas.

"Quase 30% dos presos brasileiros cumprem pena ou aguardam julgamento por suspeita de tráfico de drogas, conforme dados do Ministério da Justiça", informa o Globo Overseas (empresa que tem sede na Holanda para lavar dinheiro e subornar agentes da FIFA com objetivo de ter a exclusividade para transmitir os jogos da seleção).

Seria um espetáculo inesquecível, levar todos esses 30% para o Maracanã, trancar as portas e com drones israelenses fuzilá-los, todos, com tiros na testa!

O próprio Globo Overseas lembra que é cláusula pétrea (não pode ser alterada) da Constituição de 1988 não haver pena de morte.

Mas, e daí, amigo navegante?

Constituição de 88?

Os canalhas e canalhas a rasgaram solenemente ao depor uma presidenta inocente, com a doce anuência da "Çuprema Corte".

A Constituição de 88 hoje é um documento que vale tanto quanto os livros do FHC.

Servem para equilibrar mesa torta de restaurante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.