19 de nov de 2018

Privateiro vai vender até o prédio da Petrobras

Castello Branco é outro Chicago Boy que ocupa o Brasil

Castello Branco defendeu a privatização da estatal após a greve dos caminhoneiros

Futuro presidente da Petrobras defendeu privatização da estatal

Nesta segunda-feira 9, Paulo Guedes, futuro ministro da Economia, confirmou Roberto Castello Branco como presidente da Petrobras no governo de Jair Bolsonaro (PSL).

Pós-doutorado pela Universidade de Chicago, onde Guedes também se formou, Castello Branco abraça a visão ultraliberal do futuro ministro. Além da dupla, Joaquim Levy, ex-ministro da Fazenda de Dilma Rousseff e indicado por Bolsonaro para a Presidência do BNDES, também formou-se na escola norte-americana de perfil pró-mercado.

(...) Em junho deste ano, Castello Branco mostrou estar afinado com o discurso do futuro governo, ao se declarar a favor da privatização da estatal que assumirá em janeiro de 2019. Em artigo (...), o economista defendeu a competição entra várias empresas privadas no mercado de combustíveis e argumentou que a greve dos caminhoneiros representava "mais uma razão para privatizar a Petrobras".

Segundo ele, a principal razão para a crise que resultou na paralisação é o fato de o "comitê de uma única empresa, uma estatal dona de 99% do refino" ser a responsável por definir o preço dos combustíveis. (...)

"Uma das lições que se tira desta crise é a urgente necessidade de privatizar não só a Petrobras, mas outras estatais", concluiu (...)

No CAf

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.