1 de nov de 2018

Instituto Federal Catarinense promete medidas contra homem que gritou em defesa de Pinochet em reunião




Nota oficial sobre ocorrência durante a Assembleia do Sinasefe, nas dependências do IFC Camboriú

O Instituto Federal Catarinense (IFC) – Campus Camboriú vem a público, por meio desta nota oficial, esclarecer a situação ocorrida na tarde de ontem, 24/10/18, durante a Assembleia Extraordinária do Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica (Sinasefe) – Seção Litoral, realizada no campus.

Os servidores sindicalizados de diversos campi do IFC estavam debatendo sobre as pautas da seção, quando perceberam que uma das pessoas presentes estava filmando a assembleia.

Quando questionada se era servidora e de qual campus, a participante disse que pertencia ao IFC Araquari e que estava na reunião para conhecer o Sindicato.

Logo, os servidores sindicalizados perceberam que havia mais pessoas participando da reunião e que não eram servidores e nem sindicalizados. Acusações sobre incitação política começaram a ser feitas desrespeitosamente por parte destas pessoas (que não quiseram se identificar ou usaram de identidade falsa) e a direção do IFC Camboriú foi até o local para intervir.

Devido à proporção do caso e da forma desrespeitosa de como estavam sendo tratados os servidores, a direção optou por chamar a Polícia Militar (PM) de Camboriú para registrar os devidos Boletins de Ocorrência (B.O) e iniciar a tomada de providências legais cabíveis.

A instituição destaca ainda que não há interferência nas pautas discutidas nas Assembleias do Sinasefe e o caso somente teve a intervenção da Direção por conta das agressões verbais e da iminência de problemas de maior proporção.

O Instituto Federal Catarinense (IFC) – Campus Camboriú tem em sua missão proporcionar uma educação profissional, comprometida com a formação cidadã, a inclusão social, a inovação e o desenvolvimento regional.

E é com base nessa missão – na formação cidadã e democrática – é que estamos sempre dispostos a dialogar, de forma respeitosa, para resolver e mediar discussões que possam acontecer dentro da instituição.

Ressaltamos que o IFC, por intermédio da Procuradoria Federal, irá tomar as medidas legais cabíveis a respeito da repercussão do caso.

O IFC repudia toda e qualquer forma de violência, seja verbal ou física, e trabalha em prol da presença da democracia em todas as situações.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.