4 de out de 2018

Patrimônio de Bolsonaro é inexplicável; cai o mito do 'honesto'


Bens declarados por Bolsonaro ao TSE não são compatíveis aos seus rendimentos. 

Em 2010, Bolsonaro declarou à Justiça Eleitoral que tinha um patrimônio de R$ 826.670,46 (oitocentos e vinte e seis mil, seiscentos e setenta Reais e quarenta e seis centavos)

A prova dessa declaração dele está aqui, no site da Justiça Eleitoral.

Apenas 4 anos depois, em 2014, declarou à Justiça Eleitoral que já tinha um patrimônio de R$ 2.074.692,43 (Dois milhões, setenta e quatro mil, seiscentos e noventa e dois Reais e quarenta e três centavos).

A prova dessa declaração dele está aqui, no site da Justiça Eleitoral.

Pois bem, segundo declarações do próprio Bolsonaro ao TSE, em apenas 4 anos (48 meses) ele aumentou o patrimônio em R$ 1.248.021,97 (um milhão, duzentos e quarenta e oito mil, vinte e um Reais, e noventa e sete centavos), ou seja, R$ 1.248.021,97 é o resultado de R$ 2.074.692,43 - R$ 826.670,46.

Ora, dividindo R$ 1.248.021,97 ( crescimento em 4 anos) por 48 meses (48 salários em 4 anos), dá R$ 26.000,45 que é quanto o deputado Bolsonaro teria que juntar mensalmente, durante 4 anos (48 meses) para que pudesse ter aumentado seu patrimônio em fenomenais R$ 1.248.021,97.

Ocorre que como deputado federal Bolsonaro tem um salário bruto de R$ 33 mil e como Capitão reformado ganha mais  R$ 5 mil brutos, que juntos perfazem o valor de R$ 38 mil reais, brutos e mensais. Ele não tem outra renda além dessas.

Ao descontar 27,5℅ de Imposto de Renda fica com R$ 27.550,00.

Ora, se para juntar o patrimônio de R$ 1.248.021,97 ele teria que guardar R$ 26 mil por mês durante os 48 meses, iria viver como deputado só com 1,5 salário mínimo por mês (R$ 1550,00) ?

E olhe que não inclui no cálculo os descontos para a aposentadoria, que mesmo quem é aposentado contínua pagando.

Bem, vocês vão dizer: Além do salário de deputado federal  ele tem R$ 90 mil para contratar empregados e 40 mil para transportes.

Ok, mas você há de convir que se ele gasta realmente todas essas verbas, como  poderá servir para aumentar seu  patrimônio pessoal?!

Se não gasta, teria que devolver esse valor, e não botar no bolso!

Porquê, o que você faria se fosse dono de uma empresa, e desse mil reais para teu gerente comprar resmas de papel em uma papelaria, ele gastasse só cem Reais e embolsasse a diferença (R$ 900) ? 

Em que país do mundo um administrador de despesas embolsa o troco das despesas? Talvez por isso essa figura se chame Bolso-naro!

Portanto, se ele não gasta tudo que recebeu, e se for realmente honesto, não pode aumentar seu patrimônio com esse "troco" milionário, pois teria que devolver.

Se gasta tudo realmente, obviamente, também não servirá para aumentar seu patrimônio pessoal! Por esse motivo, fica a pergunta:

Como Bolsonaro conseguiu aumentar seu patrimônio durante 4 anos em uma quantia de quase Um milhão e trezentos mil Reais,  se esse valor não é compatível com seus rendimentos?


No 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.