11 de set de 2018

Publicitário diz ser autor de montagem de camisa de Bolsonaro com sangue


Um publicitário brasileiro que mora em Portugal afirmou ser sua a autoria de uma montagem usada em um vídeo da campanha do candidato a presidência Jair Bolsonaro (PSL). "A imagem fraudulenta mostra uma camisa igual à que o candidato vestia quando levou uma facada na última quinta-feira (6), em Juiz de Fora (MG), com uma perfuração e marca de sangue, ambos incluídos digitalmente no meio da última palavra do slogan "meu partido é o Brasil".

Segundo a reportagem do Portal Uol, Pedro Henrique Mendes Caetano, 33, chama a imagem fraudulenta da camisa de "arte" e diz não ter sido procurado por ninguém para autorizar o uso de sua criação, mas que não se importa, desde que sejam dados "os devidos créditos".

A matéria ainda destaca que "o publicitário conta que trabalha como freelancer e estava preparando materiais para alguns clientes sobre o dia da Independência do Brasil quando soube da notícia do ataque ao presidenciável. Resolveu então fazer um 'desabafo' de cunho 'patriótico'."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.