2 de set de 2018

No Brasil sem lei, Direita vai com tudo pra destruir Haddad

tribuninho inferior eleitoral rasgou a Ficha Limpa


O Conversa Afiada reproduz sereno (como sempre) artigo de seu colUnista exclusivo, Joaquim Xavier:

A decisão do tribuninho inferior eleitoral (tse), ao tentar barrar Lula, segue o script traçado desde o mensalão.

ONU, juristas nacionais e internacionais, jurisprudências, Constituição, lei da ficha limpa – que nada. Voltamos a ser capitania hereditária.

Cada um manda no seu quadrado. E desde o golpe de 2016, o Brasil funciona como propriedade privada dos gângsters que se aboletaram no Jaburu, no Planalto e no Judiciário.

A situação atual é transparente como uma vidraça. Não há mais três poderes.

O congressinho já deu as costas a qualquer coisa séria – e não é de hoje. O rebanho de parlamentares está negociando trocados no fundo eleitoral para presentear suas bases com vales refeição e cestas básicas. O Executivo resume-se a um morto-vivo, sobre o qual a compaixão recomenda não se estender muito. Não passa de um batedor de carimbos enviados diretamente pelo capital internacional. Chamá-lo de crápula seria ofender a categoria.

Temos então a democracia jabuticabal brasileira.

Mais de 100 milhões de pessoas votaram nas últimas eleições.

Mas o que temos hoje? Onze personagens que jamais foram eleitos por ninguém mandam no país.

Gente da estirpe de Gilmar Mendes, Carmen Lúcia, Luiz Fux, Rosa Weber, Barroso, Alexandre de Moraes (??!!) são ao mesmo tempo Executivo, Legislativo, Judiciário e mais: se auto-concederam o poder de Assembleia Constituinte. Jogaram a Carta de 1988 no lixo e criam leis ao bel-prazer—desde que contra Lula e forças progressistas.

Para não se estender em exemplos: além de a Carta de 1988 assegurar a liberdade de qualquer brasileiro até o trânsito em julgado, direito pisoteado pelo supreminho, a própria lei da ficha limpa assegura aos acusados e mesmo condenados todos os direitos políticos enquanto o processo estiver sub-judice – ou seja, enquanto houver a possibilidade de recursos.

A quem se interessar pela verdade, basta ler o artigo 26 da referida lei. O ex-presidente Lula está nesta situação. Pode recorrer ao próprio tse, stjJ e stf. Mas o que fez o tribuninho inferior eleitoral? Rasgou a própria ficha limpa para tirar Lula do páreo.

Vamos combinar: dá pra chamar isto de tribunal?

Desgraçadamente para os golpistas, mas para o bem do Brasil, a candidatura Lula cresce a cada demonstração de injustiça, truculência e ilegalidade. Já do outro lado assiste-se a um duelo de anões políticos, tipo MMA, todos incapazes de romper a barreira de um dígito. Aquele que conseguiu a proeza e pretende oficializar o esquadrão da morte, este não tem futuro. Podem escrever e me cobrar depois.

A conclusão: cuide-se, Fernando Haddad.

Todas as baterias a partir de agora vão se voltar contra você. Inclusive entre aliados de ocasião. Será uma casca de banana atrás da outra. Sabe-se que há gente mesmo dentro de sua aliança torcendo contra. Não passam de intelectuais sem intelecto. O alvo principal, imediato e indispensável é derrubar os golpistas com base num programa que restitua a soberania nacional e derrube uma por uma as medidas antipovo decretadas por Temer e sua turma de bandidos. Depois, reconstruir o Brasil com base numa Constituinte de verdade, livre e soberana.

Uma coisa de cada vez. Até o bom senso manda começar pelo mais importante.

Joaquim Xavier

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.