7 de set de 2018

Magno Malta e Malafaia divulgam fake news

O senador Magno Malta (PR) publicou fake news nas redes sociais. Uma montagem grosseira mostra Adélio Bispo de Oliveira, preso por esfaquear Jair Bolsonaro em Juiz de Fora, num ato com Lula.


A foto original, de Ricardo Stuckert, é de 10 de maio de 2017, quando o ex-presidente prestou depoimento ao juiz Sergio Moro em Curitiba.

O tuíte fraudado de Magno Malta recebeu mais de 5 mil curtidas e compartilhamentos. Ele escreveu um recado copiando a arroba de sua mulher, a cantora Lauriete Rodrigues, candidata à Câmara dos Deputados.

“Olha rm que time joga o marginal” (sic)”.

Olha em que time jogam os marginais.


O pastor Silas Malafaia fez post em sua conta no Twitter onde responsabiliza o PT de Minas Gerais e a presidenta deposta e candidata ao Senado, Dilma Rousseff (PT), pelo atentado ocorrido em Juiz de Fora contra o presidenciável, Jair Bolsonaro, ocorrido nesta quinta-feira (6).

De maneira irresponsável, o pastor diz que “o criminoso que tentou matar Bolsonaro é militante do PT e assessora a campanha de Dilma”. O fato foi amplamente desmentido assim que a identidade do suspeito - que disse ter agido em nome de Deus - foi divulgada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.