28 de ago de 2018

Ibope por estados, avassalador: Lula vence em 17, empata em 6 e perde em 2


O Jornal GGN e o G1 publicam uma versão mais atual e completa do placar da disputa presidencial por estado da federação.

Os resultados, que estão no título, são acachapantes.

Dão vitória a Lula os estados do Nordeste mais AP, AM, MT, MS, PA, RJ, RS e TO. Bolsonaro vence no DF, Roraima e Amapá. Estão em empate estatístico, pela margem de erro, no Paraná, São Paulo, Goiás, Santa Catarina, Rondônia e Espírito Santo. Nos seis,  apenas entre os catarinenses Jair Bolsonaro tem vantagem numérica

Nem mesmo se pode invocar o peso dos grandes estados como fator que pudesse equilibrar a disputa, pois os maiores colégios eleitorais pesquisados (Minas não foi), Lula tem vantagem numérica sobre Bolsonaro: 26% a 21% em São Paulo e de  29% a 22% no Rio de Janeiro.

Além de comporem a tendência geral da pesquisa nacional, os números têm outro significado.

É o quanto as mobilizações das campanhas locais empurrarão ou ignorarão os candidatos presidenciais.

Nem as campanhas a deputado, nem as para senador e governador querem carregar “peso morto” e  candidato a presidente “espanta-eleitor”.

Isso tem peso na hora da fixação de nomes e números de candidatos, vitais para a chapa Lula-Haddad.

De todos os dados estaduais que vieram à tona nesta rodada de pesquisas do Ibope, nenhum é mais desesperado que os 12% alcançados por Geraldo Alckmin em São Paulo, nada para quem esperava sair de lá com, no mínimo, 35% dos votos, mesmo com Bolsonaro na disputa.

Também para ele, ainda mais com Dória jogando todas as fichas para conseguir vencer no photochart o pato da Fiesp, Paulo Skaf,  poderá ser fatal ver esgarçarem-se as teias da poderosa máquina tucana em São Paulo.

Fernando Brito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.