7 de ago de 2018

Coligação PT-PSB veta candidatura de Vanessa Grazziotin ao Senado no AM


Na noite desse domingo (05/08), no twitter, o senador Roberto Requião (MDB-PR) denunciou:


A assessoria de imprensa da senadora pelo PCdoB amazonense confirmou ao Viomundo: a coligação PT-PSB vetou, sim, a candidatura dela ao Senado na chapa majoritária.

Pelo acordo, David Almeida (PSB), ex-deputado estadual e ex-presidente da Assembleia Legislativa, é o candidato da coligação ao governo do Amazonas.

O PT vai indicar o vice. O nome ainda não foi divulgado.

O veto partiu do PSB local, que não gosta de Vanessa por sua firme e aguerrida atuação contra o golpe que derrubou em 2016 a presidenta Dilma – a maioria do PSB votou a favor do impeachment — e em defesa do ex-presidente Lula

Em entrevista à imprensa, David Almeida negou o veto.

Alegou que não podia ter Vanessa como candidata ao Senado na chapa, pois já havia se comprometido com outros candidatos ao mesmo cargo: Chico Preto (PMN), vereador da Câmara Municipal de Manaus, e Francisco Praciano (PT), ex-deputado federal.

A militância do PCdB do Amazonas está mordida. Com justa razão.

Primeiro, porque há 30 anos PT e PCdoB caminham juntos em defesa da democracia, dos direitos dos trabalhadores, de melhores condições de vida para o povo brasileiro.

Segundo, porque a senadora Vanessa Grazziotin sempre defendeu com coragem as mulheres, os trabalhadores, a Zona Franca de Manaus.

Terceiro, porque Vanessa, como admite no vídeo ao final, está sofrendo forte pressão para desistir da candidatura à reeleição.

“Estranhamente, aqui no Amazonas estou vetada dentro de uma aliança composta por partidos aliados”, afirma.

“Não querem a minha reeleição para o Senado Federal”, frisa.

Quarto, Chico Preto, um candidatos ao Senado pela coligação PT-PSB é declarado defensor de Jair Bolsonaro (PSL), candidato de extrema-direita à Presidência da República.

Basta verificar o twitter vereador bolsonarista.

Ele segue e é seguido pelo candidato ao governo amazonense.

Ao retuitar uma mensagem de Chico Preto, David Almeida o saúda: “Chico Preto está junto com a gente, como pré-candidato ao Senado, na caminhada da esperança”.




Será por isso que, apesar de fechar com o PT, David Almeida se esquivou ao ser questionado se firmaria o apoio ao nome de Lula à Presidência?

Segundo o jornal A Crítica, ele afirmou: “O PT não fez essa cobrança a mim, sobre essas coisas vamos conversar pessoalmente. Temos bons nomes, bons quadros”.

Quem seria esse bom quadro?

Estaria o PT do Amazonas dormindo com os inimigos desde já?

O PT vai aceitar mesmo participar de uma chapa com defensor do fascista, misógino e machista Bolsonaro?



Conceição Lemes
No Viomundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.