27 de jul de 2018

Eduardo Bolsonaro vai a evento partidário com passagens aéreas pagas pela Câmara

Eduardo Bolsonaro discursa em evento do Ilan.
Eduardo Bolsonaro discursa em evento do Ilan.
Encontro do Instituto Liberal da Alta Noroeste, que é presidido por um pré-candidato a deputado pelo PSL (o partido de Bolsonaro), aconteceu em Araçatuba (SP) e teve cobrança de ingressos. As passagens de ida e volta a Brasília custaram R$ 1.368,42.

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) usou duas passagens aéreas pagas com sua cota parlamentar para ir a um encontro do Ilan (Instituto Liberal da Alta Noroeste), em Araçatuba (SP), no dia 15 de junho.

O evento aconteceu em um hotel da cidade e houve cobrança de ingressos, entre R$ 100 e R$ 200, para quem quisesse jantar com os palestrantes. Somadas, as passagens aéreas — na rota Brasília–São José do Rio Preto (SP) — custaram à Câmara R$ 1.368,42.


Reprodução

Eduardo Bolsonaro embarcou de Brasília a São José do Rio Preto, que fica a 160 km de Araçatuba — duas horas de carro —, no fim da tarde de 14 de junho. E a volta aconteceu um dia após o encontro do Ilan, em 16 de junho, às 9h da manhã. São José do Rio Preto é a cidade mais próxima a Araçatuba com voos diretos vindos de Brasília.

Além dele, outros líderes do PSL — sigla que abriga Jair Bolsonaro para a disputa à Presidência — participaram do evento, como a apresentadora Joice Hasselmann e o advogado e youtuber Everton Sodário.

A cota parlamentar permite o pagamento de passagens aéreas, mas o Regimento Interno da Câmara proíbe que o dinheiro seja usado com "gastos de caráter eleitoral".

Como parte do evento, ocorreu um ato de filiação ao PSL. Tanto os materiais de divulgação como a decoração do hotel em que aconteceu o encontro tinham fotos de Jair Bolsonaro. Presidente do Ilan, o engenheiro Rodrigo Piernas Andolfato é pré-candidato à Câmara pelo partido e também discursou.

As palestras começaram às 17h e, às 21h, ocorreu um jantar com os palestrantes — daí a cobrança de ingressos, como mostra o banner abaixo, divulgado nas redes sociais tanto pelo Ilan como por participantes do evento.

O preço variava de R$ 100 a R$ 200, a depender do lote.


Reprodução

Alexandre Aragão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.