13 de jun de 2018

Maggi põe Moreira, Quadrilha, Kassab e Aloysio na cadeia​

STF decidiu que ministro ladrão não tem foro privilegiado


A 1ª Turma do STF decidiu restringir o foro privilegiado dos ministros de Estado.

(Breve, o mesmo pretório excelso restringirá o foro de ministros do STF. Quá, quá, quá!)

A primeira vítima dessa decisão foi o Blairo Maggi, ministro da Agricultura, o maior produtor de soja do mundo e, mesmo assim, corrupto contumaz.

Com a decisão dos ministros Luiz Moradia Fux, Luis Roberto Barroso (será ele operário-padrão da Globo?), Rosa Weber e Marco Aurélio (o ministro Alexandre Moraes, nomeado pelo presidente ladrão, tentou pôr panos quentes) entram na reta outros quadrilheiros do Jaburu (não é isso, Bessinha?):

- gatinho angorá, que não pode ficar perto de um cofrinho, segundo o FHC, que tomou dinheiro da Odebrecht para dar ao Antero;

- Eliseu Quadrilha (segundo o ACM);

- o Kibe da lista de alcunhas da Odebrecht, também chamado de Kassab, que vai vender o satélite das Forças Armadas ao Pentágono;

- e o Aloysio 500 mil (promovido pela Odebrecht) e que recebe de presente de empreiteiro vinhos da Toscana.

Maggi ainda tem dois inquéritos no Supremo.

Os outros acima citados só não tem mais inquéritos que o Aécinho, o mais chato, e o Careca, o maior dos ladrões.

Mas, esses dois, como são tucanos gordos, não vem ao caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.