24 de mai de 2018

A Globo sugere o caos e, então, o caos acontece


A cobertura da Globo – a Globonews mal toca em qualquer outro assunto – mostra como o poder da mídia se exerce sem qualquer pudor.

É claro que há problemas com a greve dos caminhoneiros, mas são menores que a sensação de caos que está sendo incutida na população.

Incutida, mais que mostrada.

Era visível o constrangimento da repórter que mostrava o movimento normal do terminal de ônibus em Cidade Tiradentes, depois de uma “escada” que sugeria que se veriam imagens de tumultos.

Os espertos – e são muitos – se beneficiam, claro, aumentando preços.

Nas estradas, porém, o panorama é outro e os bloqueios seguem imensos.

Os problemas  vão se agravar durante o dia de hoje e amanhã, porque a reposição dos estoques esvaziados de combustíveis e de alimentos não serão repostos tão cedo, mesmo se o movimento de interdição se enfraquecer, do que não há sinal.

O terror lançado desde ontem na sociedade, porém, torna o caos uma profecia autorrealizável.

A corrida aos postos e aos mercados estão esgotando em horas estoques que durariam dias.

Como o Brasil não tem governo, veremos logo até que ponto isso irá chegar.

E a gente sabe bem que, quanto pior, pior.

Fernando Brito
No Tijolaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.