2 de abr de 2018

O jejum de Páscoa dos fariseus


O par hipócrita Deltan Dallagnol e Marcelo Bretas, nutridos por ótimos vencimentos, aos quais se adiciona os gordos auxílios-moradia e outros penduricalhos anuncia no Twitter que estará “jejum e orações” para pressionar o Supremo Tribunal Federal a decretar a prisão de Lula antes do trânsito em julgado das sentenças que lhe arranjaram com Sérgio Moro que, sem anunciar “martírio” igual, faz o mesmo.

É o retrato acabado do fanatismo doentio a que foi levada parte – e parte expressiva, como se vê pelos “abaixo-assinados que promovem – do Ministério Público e do Judiciário brasileiros.

A mediocridade regada a mídia bastaria para que qualquer pessoa de bom senso visse que, faz tempo, a audácia de um grupo de juízes e promotores arreganhou-se numa subversão da ordem jurídica que, com a cumplicidade de Rodrigo Janot e do Supremo Tribunal Federal (e agora com a omissão de Raquel Dodge), está obrigando as instituições a converterem-se em tribunais de inquisição.

Neles, só há um tipo de veredito possível: é culpado, sem dúvida, qualquer um que não use o manto negro do que se tornou uma curriola.

Quem ousar discordar é, de imediato, apontado como herege pelos Torquemadas da letra de forma: os mervais, as cantanhêdes e outros da sagrada congregação da fé instalada nos jornais.

Essa camada fascista age de todas as formas para executar seu plano de poder, que se consumará com a ascensão de uma mediocridade fascista à presidência da República que – só não vê quem não quer – vai intervir no próprio Judiciário e usá-lo como ferramenta de seu autoritarismo.

Fernando Brito
No Tijolaço



Mensagem bíblica para o hipócrita Deltan Dallagnol

Guardai-vos de fazer a vossa esmola diante dos homens, para serdes vistos por eles; aliás, não tereis galardão junto de vosso Pai, que está nos céus.

Quando, pois, deres esmola, não faças tocar trombeta diante de ti, como fazem os hipócritas nas sinagogas e nas ruas, para serem glorificados pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão.

Mas, quando tu deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a tua direita;

Para que a tua esmola seja dada em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, ele mesmo te recompensará publicamente.

E, quando orares, não sejas como os hipócritas; pois se comprazem em orar em pé nas sinagogas, e às esquinas das ruas, para serem vistos pelos homens. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão.

Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.

Mateus 6:1-6

E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que por muito falarem serão ouvidos.

Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai vos não perdoará as vossas ofensas.

E, quando jejuardes, não vos mostreis contristados como os hipócritas; porque desfiguram os seus rostos, para que aos homens pareça que jejuam. Em verdade vos digo que já receberam o seu galardão.

Tu, porém, quando jejuares, unge a tua cabeça, e lava o teu rosto,

Para não pareceres aos homens que jejuas, mas a teu Pai, que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente.

Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;

Mateus 6:15-19
No Esquerda Caviar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.