3 de jan de 2018

Perseguição a Lula é clara, aponta pesquisa


O levantamento do Instituto Ideia Big Data, que revela que o povo brasileiro enxerga Michel Temer como um monstro "corrupto, fraco, sujo e egoísta" (saiba mais aqui), traz dados inversos relacionados ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Em geral, suas avaliações são positivas até entre quem não pretende votar nele.

Para o povão, Lula não é santo, mas fez coisas importantes para o País e é perseguido pelo Poder Judiciário. "Você vê provas do Temer, Aécio gritante, e não acontece nada. Quando é do Lula, eles cavam, cavam para aparecer alguma coisa. Para mim é perseguição", diz um eleitor. "Tem perseguição, sim. Lula não é santo, é ladrão como os outros todos, mas a diferença é que Lula é um ladrão que ele ajuda o país. Eu votaria nele de novo (...) eu boto o Lula lá", apontou uma participante de um grupo focal no Recife.

A mesma pesquisa também aponta que o falso moralismo do PSDB, que derrubou a presidente honesta Dilma Rousseff e instalou no poder a quadrilha de Michel Temer, Eduardo Cunha e Geddel Vieira Lima (os últimos dois presos), só fez mal os tucanos, que também são vistos como corruptos, especialmente depois do caso Aécio.

Quem se beneficiou com esse desastre foi o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que é visto pelos eleitores com perfil moralista como alguém que "fala as verdades". Os demais candidatos, como Geraldo Alckmin, Ciro Gomes e Marina Silva, não têm imagem consolidada.

No 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.