6 de jan de 2018

Desabafo de PM potiguar — assista


Durante as primeiras horas da manhã, um policial militar invadiu a sede da governadoria para realizar uma greve de fome, em protesto contra o atraso nos salários. Emocionado, ele fez um desabafo:



RN decreta calamidade na segurança pública

O governo do Rio Grande do Norte decretou neste sábado 6 estado de calamidade na segurança pública do Estado, diante da greve dos policiais, que já dura 19 dias.

O decreto é válido por 180 dias. O governador Robinson Faria (PSD) afirma ter levado em conta "o aumento dos índices de violência por conta da paralisação das atividades dos policiais militares e civis."

Desde o início da greve dos policiais, em 19 de dezembro, foram registrados 101 homicídios no Rio Grande do Norte. As Forças Armadas fazem a segurança das ruas desde o dia 29 de dezembro.

Os policiais militares protestam contra o atraso salarial e más condições de trabalho. Já os policiais civis estão parcialmente em greve desde o dia 20.

Com o decreto, o governo fica autorizado a fazer compras e serviços emergenciais sem a necessidade de licitação. Em outro decreto, desta sexta-feira 5, o governador suspendeu as licenças-prêmio de militares.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.