30 de jan de 2018

Bolsonaro, o super-herói, vai ao TSE contra o Datafolha


Os porta-vozes do candidato Jair Bolsonaro que apresentam o programa “Pingo nos Is”, da Jovem Pan, anunciaram que o ex-capitão ingressou no Tribunal Superior Eleitoral para impedir a divulgação da pesquisa Datafolha – que antecipamos aqui – porque ela contém uma pergunta sobre o eleitor ter tomado conhecimento de seu aumento patrimonial depois que passou a exercer mandatos.

Fui confirmar a informação e encontrei essa pérola no Facebook do cidadão: ele comemora um quadro de um militar, onde aparece na companhia de Rambo, do Homem de Ferro, de Wolverine e outros super-heróis da força bruta.

Um retrato da indigência mental a que se chegou neste país, graças aos esforços de uma imprensa e de uma justiça que, afinal, não deve ter heróis muito diferentes dos personagens de ficção contidos no quadro e diante dele.

De volta à pesquisa: Bolsonaro sabe que não será proibida a divulgação do levantamento, cujas entrevistas, em tese, se concluem hoje. Sua manobra – bem mais inteligente do que seríamos capazes de supor depois de olhar a cena acima – é a de “emparedar” o instituto em qualquer tentativa de segurar ou reduzir seus índices, como forma de referendar o discurso da elite política de que, sem Lula, ele murcharia.

O fato é que não murchou, ao contrário.

O voto popular, na periferia e no interior não segue uma “régua” ideológica como entre parte da classe média e da intelectualidade – se ainda for possível falar de uma em nosso estado de indigência.

No momento em que se retira dele o herói de carne e osso, o da identidade e empatia, servem, para muitos, os “de quadrinhos”, os ficcionais.

Sejam eles o Capitão América ou o Riquinho. Desde que triunfe a “Liga da Injustiça”.

Fernando Brito
No Tijolaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.