26 de dez de 2017

O “delenda Lula” faz editor da Folha inverter chamada


A boa entrevista feita pela Folha com o governador Flávio Dino, do Maranhão, além de seu lúcido conteúdo, ajuda a mostrar como o jornalismo brasileiro está tão envenenado pelo antilulismo que “puxa” para as chamadas tudo o que possa detratar e intrigar o ex-presidente.

“Governador do MA considera ‘suicídio coletivo’ candidatura de Lula, por beneficiar Bolsonaro”, diz a home da Folha, neste momento.

E o que Dino disse foi que “tirar Lula” da eleição é que seria um “suicídio  coletivo”, por criar a perspectiva de eleição de Jair Bolsonaro.

Não é pelo erro, porque eu os cometo aqui a toda hora, atropelando a digitação.

É por torcer o significado do que é dito até invertê-lo.

Coisa nada rara quando se trata de Lula.

Fernando Brito
No Tijolaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.