20 de dez de 2017

Alexandre Frota, o juiz e a “bunda”

O ator-pornô Alexandre Frota, um dos ícones dos “midiotas” que saíram às ruas para rosnar pelo impeachment de Dilma Rousseff, deve estar abatido. Nesta terça-feira (19), a juíza Tonia Yuka Kôroku, da 13ª Vara Cível do Foro Central de São Paulo, determinou que ele apague todas as postagens das suas redes sociais que fazem menção ao juiz Luís Eduardo Scarabelli, que foi chamado pelo canastrão de “ativista gay” e acusado de “julgar com a bunda”. Ele também deverá publicar em seus perfis na internet um texto-resposta escrito pelo magistrado. Caso descumpra a liminar, o ator decadente e patético será punido com multa diária de R$ 1 mil, até o limite de R$ 200 mil.

Conforme relembra o site Consultor Jurídico, “Luís Scarabelli foi responsável por julgar o processo movido por Frota contra a ex-ministra Eleonora Menicucci, do qual o ator e hoje ativista saiu derrotado. Ao saber do resultado, ele partiu para o ataque ao magistrado, o que foi noticiado por diversos veículos. ‘Não há dúvidas que o ator Alexandre Frota utilizou de sua condição de pessoa pública e nacionalmente conhecida, fazendo uso de palavras totalmente descabidas e ofensivas na tentativa de retaliar o magistrado. Isso tudo diante da sua discordância com a decisão tomada pelo Colégio Recursal do Juizado Especial Cível Paulista”, diz o advogado Igor Tamasauskas, que atuou na defesa do juiz junto com a advogada Débora Cunha Rodrigues”.

Para o presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros, Jayme de Oliveira, “a decisão restabelece a dignidade da magistratura e do juiz atingido por exercer sua função com zelo e dedicação”. Ela não deve, porém, restabelecer a sanidade do ator-pornô, que segue com suas posições fascistas de estímulo ao ódio para ganhar alguns minutos de fama e, talvez, para galgar algum mandato na política. Neste caso, nem uma prótese no cérebro deve fazer efeito.

Altamiro Borges

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.