25 de out de 2017

Vereadores babacas de Blumenau pedem que escola cancele festival de cinema sobre diversidade


Câmara aprovou moção de repúdio contra tema de 2017 do festival, que ocorre há cinco anos.

Vereadores de Blumenau, no Vale do Itajaí, aprovaram uma moção de repúdio e pediram o cancelamento de um festival de cinema na escola estadual Elza Pacheco por causa do tema escolhido. O evento programado para os dias 14 e 15 de novembro é sobre diversidade religiosa, cultural e sexual e, segundo a unidade de ensino, não será cancelado.

“Só mostra que a gente está no caminho certo, que a gente precisa discutir diversidade, só mostra que a gente precisa sim debater a intolerância”, diz Josué de Souza, professor de sociologia.

Dos 15 vereadores de Blumenau, três foram contrários à moção votada na terça-feira (24). Um faltou à sessão e outro se absteve. O autor é o presidente do legislativo municipal, Marcos da Rosa (DEM).

“Essa ideologia, que não chamo mais de ideologia, chamo de ditadura de gênero na medida em que eles não aceitam o contraditório. Essa ideologia foi rejeitada nos planos federal, estadual e municipal de educação, então é um assunto vencido. E eles queriam promover não o debate, era um ciclo de palestras onde os palestrantes são ativistas de gênero. Não convidaram a população para falar, levando um especialista para falar a favor e um especialista para falar contra”, diz o vereador.

Um dos vereadores que foi contra a moção diz que a Câmara se equivocou. “Era uma discussão com jovens de 15 a 18 anos. Acho que a sociedade tem que discutir os assuntos e, sobretudo, deixar nossa posição de que a natureza humana é diversificada, é plural. Acho um equívoco muito grande querer padronizar a natureza humana e querer passar por cima dos conhecimentos da ciência, da psicologia. Acho que a Câmara tomou um posicionamento equivocado, contribuindo para uma visão fundamentalista e extremista de sociedade”, afirma o vereador Bruno Cunha (PSB).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.