10 de out de 2017

Temer empenhou R$ 1 bilhão em emendas para deputados no mês da denúncia

Valor só não ultrapassa os de junho e julho, durante 1ª denúncia

Bancada do Rio foi agraciada com R$ 113 milhões em setembro

Deputados fluminenses deram 23 votos contra Temer em agosto


O governo empenhou em setembro R$ 1 bilhão em emendas parlamentares de deputados federais, que vão julgar a admissibilidade da denúncia contra Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria Geral).

Os recursos foram reservados, mas ainda não liberados. O repasse só não é maior do que em junho (R$ 2 bilhões) e julho (R$ 2,2 bilhões), quando tramitou na Câmara a primeira denúncia contra Michel Temer.

O Planalto empenhou R$ 54 milhões em emendas parlamentares de integrantes da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara. A segunda denúncia contra o presidente Michel Temer será analisada no colegiado. O grupo emitirá um parecer recomendando andamento ou suspensão da denúncia ao plenário.

A CCJ é formada por 132 deputados (66 titulares e 66 suplentes). Neste link há a lista de todos os deputados com emendas empenhadas em setembro.

R$ 239 milhões em nome de deputados e R$ 767 milhões às bancadas

Ao todo, Temer liberou R$ 239 milhões para emendas de todos os deputados. Entre os 10 mais agraciados estão 8 congressistas da base de apoio ao governo. O petista Chico D’Angelo (RJ) e a deputada Eliziane Gama (PPS-MA) são os “intrusos” na lista.

O Planalto liberou mais recursos por demandas de bancada. Foram R$ 767,5 milhões empenhados a pedido das bancadas estaduais no Congresso. A do Rio de Janeiro foi a mais beneficiada, com R$ 113 milhões. Assim como os deputados, as bancadas têm direito a destacar investimentos do Orçamento.

Emendas de bancadas estaduais empenhadas em setembro

bancada estadual valor empenhado (em R$)

Rio de Janeiro 113.057.323,00

Amazonas 93.703.659,00

Goiás 82.323.934,88

Acre 76.390.966,27

Paraíba 70.910.877,00

Rondônia 66.858.827,00

Sergipe 63.253.698,29

Bahia 61.575.657,97

Amapá 52.715.779,00

Rio Grande do Sul 49.384.360,35

Rio Grande do Norte 20.251.287,00

Santa Catarina 17.136.000,00

Roraima 160,00

A bancada do Rio (45 deputados) é a 3ª maior da Câmara, atrás de São Paulo (70) e Minas Gerais (55). Na votação da primeira denúncia contra Temer, 23 deputados do Rio foram contra o presidente.

Outros 20 foram favoráveis e dois faltaram. Dos 23 deputados que votaram contra o Planalto, 12 são de partidos aliados ao governo. Leia como votaram os fluminenses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.