5 de set de 2017

O que zé Cardozo sabe sobre o Supremo?

Diálogo sórdido implica ex-Ministro da Justiça!

zé teve encontros reservados com ministros do STF. Por exemplo, com o Ministro Gilmar Mendes
O Conversa Afiada selecionou do "Globo Overseas" trechos da sórdida gravação de Francisco de Assis e Ricardo Saud, da JBS, a propósito de patranhas com o Procurador Marcelo Miller, que trabalhou na sala ao lado e em função de confiança do Procurador (sic) da República (sic) Rodrigo Janot, o que quer matar a delação do Joesley, como mataram a Satiagraha e a Castelo de Areia.

Os trechos a seguir reproduzidos implicam de forma inequívoca o ministro zé da Justiça que, de forma voluntária ou sob o comando da Lei, tem que dizer o que sabe sobre Ministros do Supremo:

Leia aqui os principais trechos dos diálogos que podem anular a delação da JBS

(...) JB: O Renan, Ze Eduardo ... ele ficou enlouquecido com Ze Eduardo

RS: ele acha que o Ze Eduardo é o melhor caminho pra chegar no Supremo

JB: ele te falou isso? que que ele te falou?

RS: não... nós con... eu contando lá do Ciro, das coisas e tal

JB: que que cê falou pra ele?

RS: ai nós ouvimo a fita e tal

JB: não, que que cê falou pra ele?

RS: não, eu falei pra ele ó... conversa lá foi assim, assim

JB: assim o que, me fala

RS: não... como... nós chegamos lá, começamos conversar... o Joesley foi falando com ele... perguntamo as coisas, que que tinha feito... ele falou da lei e tal... (parte inaudível) você não tinha me falado da lei (parte inaudível) entendeu na hora da lei, falou que outubro foi aprovado uma lei assim assim negócio de narcotráfico ai... eu não sabia, mudaram a lei lá passou pra outra coisa.... ele (parte inaudível) lembrei que (parte inaudível) que em abril começou a Lava Jato... "ah ele falou dessa lei", mas essa lei (parte inaudível) filho da puta do Godoy... mas essa lei é narcotráfico, não é nada com Joesley não... falei ah eu não sei, ai Joesley tentou me explicar lá, eu não sei, eu vou ler depois, ah ai.. ai nós falamos... eu falei ó, inclusive lá nós conversamos, porra veio.... cara falou que tem cinco... cinco... Ministros do Supremo na mão dele... Inclusive muitos conversado e outros, não é só palavreado não, escrito tal... ele falou "cinco ele não tem não... ele tem... ah só se eles, só se eles contam Lewandowski até hoje"... ele falou, falei ah dai eu não sei, não deu nome não... Mas se contar Lewandowski pode ser sim... (parte inaudível) falou assim lá pra mim "mas ele tinha essa intimidade com a Dilma?"... "intimidade? eu vou te contar, eu achei que os três tavam fazendo suruba" ... porque ele falou da Carmen Lúcia, (parte inaudível) da Carmen Lúcia que vai lá falar do (parte inaudível) com a Dilma e tal, os três juntos, tal tal tal.... "ah então ele tem mesmo essa intimidade?"... (parte inaudível) os cara... falei não é mentira não.. foi tô falando (parte inaudível) contei pra ele, falamos do escritório, falamos da conta...

JB: Que escritório? Que escritório?

RS: do Marco Aurélio.. (parte inaudível) falou do dinheiro?... não.. "não né Ricardo"... (parte inaudível) ... "mas e ai, que que a Dilma falou?" ... (parte inaudível) não, não (parte inaudível) nada disso.. ai se viu a Carmen Lúcia lá e tal... a última indicação e tal... ai eu contei pra ele, falei (parte inaudível)... ai mudou o assunto ... "falando sério? tá se falando disso?" ... suruba dos três e tal... "não, isso eu quero ouvir"... ai (parte inaudível) o trem ... nós falando de putaria ... "esse cara é louco..."

JB: ai cê mostrou a fita?

RS: não... (parte inaudível) fomo mostrando (parte inaudível)...

JB: isso

RS: ai ele falou "isso dá cadeia... eles prendem Ze Eduardo amanhã... eles prendem amanhã... melhor não... melhor não...".... (parte inaudível) eles prendem amanhã...

JB: eles o Supremo...

RS: é (parte inaudível) ... ai ... deixa eu ver de novo... "ai ocê também... (parte inaudível) suruba ai... se não fala isso mais não... vou te orientar ocê não fala isso mais nunca... cê falar que a Presidente da República, Presidente do Supremo ele tá fazendo suuu... vc tem noção do que vc falou?" ... ele me deu uma dura tão grande... "vc tem noção do que vc falou? Presidente do Brasil, Presidente do Supremo e Ministro da Justiça fazendo suruba... (parte inaudível) bota lá, (parte inaudível) esse ai nós temos que tirar... temo que usar (parte inaudível) Ze Eduardo, (parte inaudível) pressionar o Ze Eduardo pra ele contar quem é o cara do Supremo..." ah meu Deus, depois disso tal... ficamo conversando... (parte inaudível) Joesley faz o que quiser aquele trem (parte inaudível) "então vamos esquecer aquele trem da briga do do Gilmar... e vamo nesses três Ministro do Supremo"...

JB: como... esquecer a briga?

RS: o trem do Gilmar que virou briga lá entre ele e a... (parte inaudível) vamo esquecer isso e vamo pegar os três... eu falei (parte inaudível) Marcelo ocê é inteligente demais, vc tá largando um amigo quer três... "não, mas não é isso"... agora, ele (parte inaudível), ele tá ficando meu amigo e tal achando (parte inaudível) ... quando ele mandou eu digitar tudo lá pra ele (parte inaudível) trem e tal pá pá pá... (parte inaudível) pode escrever o que você quiser ai, que eu conserto depois ... eu tô metendo o cacete... escrevendo o que eu to pensando (parte inaudível)... eles são esperto... uma (parte inaudível)

JB: isso... é .. ele faz assim.. (parte inaudível risada) ... (parte inaudível) Ze

RS: (parte inaudível) vc vai ver, ele vai pra cima docê na hora... vamos escutar terça feira (parte inaudível) ... ele vai pra cima docê na hora... na hora (parte inaudível)

JB: (parte inaudível) ainda... tem da restituição... tem da restituição

RS: entregar esse do Ze Eduardo (parte inaudível) esse trem da putaria no Jornal Nacional

JB: A Carmem Lúcia...

RS: tem que ouvir procê ver... o Ze não nega xxxxx

(parte inaudível)

RS: corrupção não veio... não é só corrupção não..

JB: a sociedade... a sociedade...

(parte inaudível)

RS: (parte inaudível) Marco Aurélio (parte inaudível) ouvi a fita.... (parte inaudível) eu não lembrava o nome... (parte inaudível) bonita gostosa, não sei se era do Rio, de Brasília tal ... será que o Ze não comia essa mulher não... era uma advogada famosa... (parte inaudível) um ciúme desgraçado...começa a falar lá quem é essa, quem é

JB: Cê tá falando... a Fernanda... isso... certeza o o Francisco... o Francisco já falava o seguinte... A Fernanda dá pro Ze...

RS: (parte inaudível) surtou (parte inaudível) demais

JB: nããooo... surtou por causa do Ze, surtou por causa do Ze... não... surtou por causa do Ze e porque sabe que se nós entregar o Ze, nós entrega o Supremo... eu falei pro, eu falei pro Marcelo, falei Marcelo, cê quer pegar o Supremo? qué, pega o Ze... seguinte.. guarda o Ze, o Ze entrega o Supremo...

RS: O Ze não aguenta (parte inaudível)

JB: não, que isso... não aguenta meia hora

-----

- (01:48:00) JB: "Eles (MPF?) vão dissolver o Supremo...eu vou entregar o Executivo e você vai entregar o Zé, o Zé vai entregar um....(não fala)...vou ligar e chamar ele e falar...o Zé seguinte vc precisa trabalhar com a gente, nós precisamos organizar o Supremo, a única chance que a gente tem de sobreviver...vc tem quem? como é cada um? qual a influência que vc nesse? Como é que a gente grampeia? o Zé vai entregar tudo...a gente vai falar de 2 só, nós só vai entregar o Judiciário e o executivo, a ODB moeu o legislativo, nós vamos moer...

------

JB: "Vamos ver, vamos devagar".

Ricardo: "A não ser que o Zé entregue o Supremo inteiro".

JB: "O Zé vai entregar... B é isso, o C é isso...por onde a gente chega, bota tudo na conta do Zé...nós só vamos precisar falar de duas coisas"

Ricardo:" entrega o Zé (inaudível)....Marco Aurélio..." JB: "e oh tchau..."

-----

Ricardo: (inaudível)...mandei uma mensagem de propósito, só pra ver...(inaudível)...vamos marcar terça-feira, por causa disso..disso. Eu fiz 11 páginas...eu sozinho (inaudível). Agora a Fernanda, ela tem interesse....(inaudível). Sabe qual é o problema? O Marcelo é a primeira causa dele...é a única da vida dele. A Fernanda tem umas 3/4

JB: Alguém tem que ajeitar ela. Que é o que eu falei com o Francisco

Ricardo: (inaudível) por causa do Zé....

JB: Ela não tá falando que é o Zé, ela tá falando que é o Gilmar...q não sei quem...é porra nenhuma...eu já falei...Francisco, Ricardinho

Ricardo: (inaudível)...ele até acha que o Francisco tá dando em cima da Fernanda, que ele gosta muito da Fernanda, mas o episódio da briga dele com a Fernanda...houve a briga dele com a Fernanda, vc não falou nada com ele aquele dia...(inaudível) ele ficou constrangido...

Em tempo: o "Marco Aurélio" dessa "suruba" será o sócio do zé?

No CAf

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.