11 de ago de 2017

Trump admite ação militar na Venezuela. Big Stick rides again?


Aí está o resultado da desastrosa e sabuja diplomacia (se é que dá para usar este nome) do Brasil e da Argentina diante da crise política venezuelana.


“Temos  tropas em todo o mundo, em lugares muito distantes. A Venezuela não está muito longe”, disse um arrogante Trump.

Será que Michel Temer e Maurício Macri vão apoiar o desembarque de “marines” em território sul-americano?

Será que vão apoiar mísseis Tomahawk, caças Stealth, helicópteros Apache disparando, aqui do nosso lado?

Será que não vê que, depois desta ameaça, o caldeirão venezuelano não vai ferver ainda mais, com uma mobilização militar que, diante disso, é inevitável?

Tudo o que acontecer agora passa a ser reflexo do arreganho trumpista.

Voltamos mais de um século, à política do “Big Stick”, o grande porrete de Theodore Roosevelt?

Exceto a matilha de cães hidrófobos, não há um cidadão que possa tomar o lado de uma intervenção militar estrangeira em nosso continente.

Fernando Brito
No Tijolaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.