11 de ago de 2017

Contas de Lula e Dilma eram mentira de Joesley, admite MP


Procure o distinto leitor pelos grandes jornais a notícia – de ontem – publicada pelo UOL e confirmada pelo Estadão.

É a entrevista do procurador da República Ivan Cláudio Marx, dizendo que, convocado a oferecer provas, Joesley Batista não apresentou coisa alguma que pudesse ligar Lula ou Dilma Rosseff às contas que ele disse – aí com direito a manchetes nos jornais – operar em favor de ambos no exterior, movimentando somas de até US$ 150 milhões.

“A história dele é incomprovável. Pedimos documentos para comprovar, e não veio nada”, afirmou ao UOL.

“É uma história meio absurda desde o início”, disse ao Estadão. “Ele não tem nada. Essa história não tem pé nem cabeça. Não tem como provar.”

Procure, leitor, e não achará senão pequenos registros. Porque, afinal, é outra destas coisas que não vem ao caso, do remoto tempo em que acusação devia ser provada.

De acordo com Marx, faltam também evidências de que tanto Lula quanto Dilma sabiam da existência do dinheiro, pois essa suspeita está calcada apenas nas declarações do delator. Não há, por exemplo, nenhuma mensagem, gravação ou outro tipo de prova a respeito. “Ele só tem a palavra dele. Não tenho como ‘condenar’ ninguém com a palavra dele”, afirmou o procurador.

E, claro, não há sinal, como nos casos de Michel Temer e de Aécio Neves, malas de dinheiro entregues a prepostos.

Ele só tem a palavra dele”,diz o procurador : “não tenho como ‘condenar’ ninguém com a palavra dele”.

Claro que a “delação” sem provas  sobre Lula e Dilma eram o “pedágio” para a delação “com prova” sobre outros.

E o Dr. Ivan, presta sua irônica “homenagem” a esperteza de Joesley:  “O cara é muito ‘bom’. Tem uma conta lá, que não consegue explicar, e conseguiu transformar isso numa delação”.

O senhor devia estender esse conceito à imprensa brasileira que conseguiu transformar em manchete e capa de revista uma delação sem nenhuma prova.

Fernando Brito
No Tijolaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.