18 de mai de 2017

Temer nega renúncia e mergulha Brasil no caos


Rejeitado por 92% dos brasileiros, antes de ser flagrado cometendo crimes em série, Michel Temer nega a renúncia, pedida até pelos aliados, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso.

Já se sabe que ele avalizou a compra do silêncio de Eduardo Cunha, a venda de cargos públicos em troca de propina e o vazamento da taxa de juros do Banco Central.

Três ministros, Bruno Araújo, Raul Jungmann e Roberto Freire, já pediram demissão.

Investigado pela PGR, Temer não renuncia para tentar manter o foro privilegiado.

Nas próximas horas, deve ser divulgado o áudio em que ele discute com Joesley Batista, da JBS, a compra do silêncio de Cunha.

Sem grandeza para renunciar, Temer prolonga a crise e mergulha o Brasil no abismo.

Pela primeira vez, o Brasil tem um "presidente" que, além de golpista, foi pego cometendo diversos crimes em flagrante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.