22 de fev de 2017

GloboNews implora a Trump para ligar para Temer

Ninguém sabe, ninguém viu

Colunista do 'NYT' foge de Trump e descobre Brasil 'à beira do caos'

A GloboNews, para orgulho do "Jornal Nacional", cobrou do porta-voz da Casa Branca que Trump telefone para Michel Temer. Até aqui, diferente dos eleitos Maurício Macri, Juan Manuel Santos e Pedro Pablo Kuczynski, o brasileiro só conseguiu falar com o vice.

Mas talvez o jornalismo da Globo esteja certo em cobrar a Casa Branca. O "Brasil à beira do caos" é uma das histórias que estão passando despercebidas com toda a atenção voltada ao fenômeno Trump, segundo o colunista de tecnologia do "New York Times", Farhad Manjoo.

Ele passou uma semana fugindo dos noticiários, comentários, análises, rumores sobre o presidente americano e contou o que aprendeu com isso. Citou –além do caos brasileiro, que descobriu na "New Yorker"– o Estado Islâmico perdendo terreno e a Antarctica se desfazendo:

— Existe uma razão pela qual você não está vendo essas histórias espalhadas pelo noticiário. Ao contrário da velha escola do jornalismo, a mídia de hoje funciona de acordo com laços de realimentação social. Toda história que mostra qualquer sinal de vida no Facebook ou Twitter é copiada sem parar por todos os veículos, tornando-se incontornável.

O texto da "New Yorker" é assinado por Jon Lee Anderson e cita as rebeliões nos presídios e as greves de policiais, para concluir:

— Temer e seus aliados se moveram rapidamente para desfazer o legado de 13 anos do PT, de Lula, que supervisionou os anos do país como um dos maiores exportadores de commodities no auge do boom da China. O Brasil se tornou Bric e um player global, enquanto em casa um programa popular, Bolsa Família, ergueu 40 milhões da pobreza. A maioria desses ganhos está agora em risco, com Temer instituindo medidas de austeridade e um congelamento de 20 anos em todos os gastos sociais. Com seu berço social em ruínas, o Brasil tem todos os ingredientes para mais explosões por vir.

Nelson de Sá
No Esquerda Caviar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.