15 de jan de 2017

Ser ou não ser

Temos uma maneira curiosa de declarar algumas das nossas predileções. Dizemos “sou Botafogo”, em vez de “torço pelo Botafogo”. “Torcer” nos manteria distante do time preferido, na arquibancada, longe das botinadas do inimigo. “Ser” significa nos identificarmos totalmente com nosso time, ser Botafogo da cabeça aos pés, padecer do que ele padece, vibrar quando ele vibra — enfim, descer da arquibancada.

Mas o “ser” nem sempre se aplica quando se trata de uma escolha. Certa vez, conversávamos sobre Papas e misses, e alguém na roda foi categórico:

— Sou João XXIII e Marta Rocha.

Em tudo na vida, precisamos distinguir entre “ser” e simpatizar. Simpatizo com outras escolas de samba, mas sou Salgueiro.

E, em tudo na vida, é preciso deixar claras nossas predileções, e a que grupos pertencemos.

Você, por exemplo, é dos que abotoam a camisa de baixo para cima ou de cima para baixo?

É dos que raspam a manteiga ou tiram pedaços?

É dos que espremem o tubo de pasta de dente da ponta para cima, ou não?

Das Jennifers, prefere a Lopez, a Lawrence ou a Aniston?

Gil ou Caetano?

Melhor Tarzan?

Superman ou Batman?

Falando sério: do jeito que cresce o poder das facções dentro das nossas cadeias criminosamente lotadas, em breve, além do time, da escola de samba, do jeito de abotoar a camisa, de cortar a manteiga e espremer o tubo de pasta de dente, de atriz, compositor, Tarzan, super-herói, Papa e miss, teremos que nos definir: para tomar conta do país “somos” Primeiro Comando da Capital, Comando Vermelho ou Família do Norte?

Luís Fernando Veríssimo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.