17 de jan de 2017

RBS Zero Hora sonega escândalo envolvendo sonegação da Zelotes

Jorge Gerdau
Ops! Sonega e sonegação é redundância?

Em colunas, editoriais e matérias, Zero Hora clama por mais presídios, como se criar novas pocilgas de formação de criminosos pudesse resolver o problema prisional brasileiro, mas sonega a seus leitores grave escândalo de tráfico de influência relacionada à Operação Zelotes onde a RBS está incluída como suspeita de milionária sonegação.

Nos espaços dos veículos da rede, ninguém vai ficar sabendo o que os leitores do Jornal do Comercio, do Correio do Povo e de outros veículos da mídia comercial nacional como o Estadão estampam hoje.

Pois o atual ministro interino do Planejamento, Dyogo Oliveira, negociou Medidas Provisórias (MPs) para beneficiar a Gerdau, megaempresa gaúcha investigada pela Zelotes.

Na época secretário executivo do Ministério da Fazenda o agora funcionário do governo Temer segundo relatório do Ministério Público Federal agiu como mandalete, uma espécie de ofice boy de luxo do super empresário e negociou medidas provisórias (das quais Temer é recordista).

A imprensa detalha encontros de Oliveira com Gerdau, e até cartinha do empresário privado para o servidor público sugerindo emendas que para atender “nossos interesses” .

Declara um procurador do MPF, Hebert Reis Mesquita, em um relatório em que pede abertura de investigação:

“a redação de emendas foi literalmente feita pelo empresário”.

Não é escândalo para manchete principal de jornal?

O Correio ainda fustigou em chamada de capa que só perdeu para os massacres de presos no RN.

OPERAÇÃO ZELOTES

MPF afirma que empresa alterou MP a seu favor

A RBS – Zero Hora silencia em um tom ensurdecedor sobre estas graves irregularidades.

Mas em sua ânsia e açodamento por novos presídios, calcula bem quem poderá habitá-los?

André Simas Pereira
No Luíz Müller Blog

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.