16 de jan de 2017

Folha abre a semana manipulando para levantar a moral de Moro


A assessoria de imprensa da Lava Jato – leia-se, Folha de São Paulo – estampa a seguinte manchete em seu site, triunfante: “TRF mantém ou endurece 70% das penas aplicadas por Sergio Moro”.

De 23 condenados por Moro, 8 tiveram as penas mantidas, 8 tiveram as penas endurecidas, 4 foram absolvidos pelo TRF e 3 tiveram suas penas diminuídas.

No meio da matéria vem a pegadinha.

O levantamento da Folha só levou em conta os casos em que houve condenação e análise da apelação do condenado pelo Tribunal.

As decisões sobre prisões preventivas e habeas corpus ficaram de fora da análise, ou seja, as prisões midiáticas sem provas, onde Moro concentra boa parte da sua truculência e populismo penal, não foram levadas em conta para chegar nos tais 70%.

Dentre as decisões de Moro que ficaram de fora do levantamento está um caso emblemático do que a irresponsabilidade dos justiceiros midiáticos pode provocar.

Branislav Kontic, assessor de Antonio Palocci que teve a prisão decretada por Moro, tentou o suicídio na carceragem da PF em Curitiba, após ver sua prisão temporária convertida em preventiva.

O TRF considerou que não havia elementos para manter Kontic preso e reformou a decisão de Moro.

O juiz curitibano brinca com vidas humanas ao sair prendendo para gerar manchetes. E ainda é aplaudido. Mas é claro que isso fica de fora do levantamento da Folha, feito sob medida para levantar a moral de Moro.

A matéria cita ainda que “advogados de réus apontam para um Judiciário receoso de contrariar a opinião pública, que tende a clamar por mais punições, mesmo que à revelia das leis”.

Mais uma manipulação barata.

Não são só os advogados dos réus que apontam para a covardia do Judiciário diante da opinião pública, mas grande parte do meio jurídico e praticamente todo o campo progressista.

Para quem tem medo do debate só resta mesmo reduzir o contraponto à defesa dos réus.

Pedro Breier
No Cafezinho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.