9 de nov de 2016

Vitória de Trump deixa Serra em posição embaraçosa — assista


Em junho, o chanceler brasileiro, confesso admirador dos EUA, declarou sobre uma eventual vitória do republicano: "não pode acontecer"



O triunfo do Donald Trump na eleição presidencial norte-americana deixa o chanceler brasileiro, José Serra, em situação constrangedora. Logo que assumiu o cargo, o tucano, admirador confesso dos Estados Unidos, deu uma declaração pública contrária à possibilidade de vitória do candidato do Partido Republicano.

Foi em 6 de junho, em uma entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura de São Paulo. Questionado naquele dia sobre o que achava da hipótese de o candidato de Trump chegar à Casa Branca, o ministro das Relações Exteriores respondeu: “Não acho que vai acontecer... Não pode acontecer”.

Serra já não anda lá muito em alta conta no Palácio do Planalto. Michel Temer tomou gosto pelos compromissos internacionais, apesar do desgaste da imagem externa do Brasil em virtude da derrubada de Dilmar Rousseff. E tem praticado uma espécie de diplomacia presidencial, o que deixa o chanceler escanteado.

Os EUA são uma peça central na política externa do ministro. Sua linha mestra no cargo é atrelar o Brasil aos interesses daquele país, do qual admite ser um admirador, conforme registrado em uma entrevista ao Estado de S. Paulo de 22 de maio, dez dias após assumir a chancelaria.

“Tive uma experiência pessoal que foi muito importante, quando passei parte do meu exílio nos Estados Unidos, nas Universidades de Princeton e Cornell, e comecei a conhecer a sociedade e a democracia americanas muito de perto. Daria uma outra entrevista eu contar o impacto que eu tive ao viver o cotidiano e junto à base da sociedade a democracia americana”, disse na entrevista.

André Barrocal
No CartaCapital

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.