3 de ago de 2016

Vídeos mostram Lula atuando em lobby que gerou milhões para a Globo


Vídeos de 2009 mostram o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva em uma viagem à Dinamarca, atuando junto a autoridades estrangeiras para trazer evento para o Rio de Janeiro que rendeu milhões para as Organizações Globo, o maior conglomerado de mídia brasileira, de propriedade da família Marinho, a mais rica do país segundo a Forbes.

No vídeo, Lula defende que o Brasil merece receber os Jogos Olímpicos porque seriam os primeiros da América do Sul, pelas qualidades do povo brasileiro, pela beleza do Rio e pelo bom momento econômico que o Brasil vivia em 2009.

Lula, logo após a delegação brasileira derrotar a dos Estados Unidos, da Espanha e do Japão, falou com funcionários da emissora, que não escondiam sua alegria.



A rede de TV americana CNN chegou a dizer que Lula teria derrotado o presidente americano Barack Obama em Copenhague.



Agora, sete anos depois, os Jogos se transformaram em um evento dominado pela TV Globo, sua transmissora oficial, que influenciou a escolha de quem levaria a tocha, o nome do mascote dos jogos, a porta-bandeira da delegação brasileira, a cerimônia de abertura e até mesmo quem seria o chefe de estado durante a cerimônia, atuando para afastar a presidenta Dilma Rousseff, convocando protestos pelo impeachment e dando apoio ao interino Michel Temer.

Lula não ganhou nem vai ganhar nada com as Olimpíadas, as quais vai acompanhar de sua residência em São Bernardo do Campo pela TV, torcendo para que seja um grande evento. Não irá à cerimônia de abertura nem a nenhuma das partidas.

Apesar do esforço do ex-presidente para trazer a Olimpíada para o Rio de Janeiro, cidade-sede da emissora da família Marinho, ele não receberá deles nem meio obrigado, nem a reprise do momento da escolha da cidade-sede nos telejornais da emissora.

As Organizações Globo não devem declarar quanto ganharão com a Olimpíada. O Ministério Público não abrirá investigação para saber se a atuação de Lula no exterior configura algum tipo de lobby em benefício da emissora.
No DCM

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.