11 de jul de 2016

Cunha quer acordo com prisão para livrar mulher e filha


A equipe de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) diz que o parlamentar reconhece a resistência do Ministério Público Federal de aceitar uma delação feita por ele.

No entanto, pensa que os procuradores concordariam com um acordo em que ele ficasse preso, mas por menos tempo — e em que sua mulher, Claudia Cruz, e uma de suas filhas fossem poupadas, diz a colunista Mônica Bergamo.

Os advogados de Claudia Cruz entregam nesta semana a defesa dela no processo em que é acusada de lavagem de dinheiro e evasão de divisas.



No 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.