10 de jul de 2016

'Cerra', a propina te pegou!

Ou não vem ao caso?


O Conversa Afiada está convencido de que o 'Padim Pade Cerra' é um dos homens mais ricos do Brasil.

E só por isso dá crédito a "informação" da colona de Lauro Jardim, aquele do Globo que, no detrito sólido de maré baixa, acompanhou de perto a meteórica ascensão do banqueiro André Esteves.

Diz o colonista que Léo Pinheiro da OAS pagou em dinheiro a pessoa "próxima" de 'Cerra'.

"Próxima"?

Será o FHC, o Príncipe da Privataria?

A filha?

Ou o Alberto Goldman, cuja proximidade com o 'Cerra' está a merecer um livro?

Mas, segundo Jardim, 'Cerra' é guloso.

Além da OAS, ele teria acertado propinas com a Odebrecht, através daquele personagem que o global colonista chama de "controverso": o Paulo Afrodescendente.

Deve ser uma nova acepção para a palavra "controverso"...

Mas, tudo isso são farelagens (vem de "farelo").

Na Lava Jato, tucano não entra.

Só morto.

PHA

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.