2 de jun de 2016

Costa Pinto diz que ‘STF vai corrigir lambança’


Ao comentar o que chama de "atalhos de ritos processuais" — como o apresentado na sessão desta quinta-feira 2 na comissão do impeachment, para encurtar de 20 para 5 dias o prazo para as alegações finais, o jornalista Luís Costa Pinto afirma, em sua página no Facebook, que "certamente o Supremo Tribunal Federal tomará uma posição dura contra" isso.

Para ele, "está em curso uma lambança que vai desacreditar ainda mais o jaboticabal em que o Brasil tem se transformado perante o mundo. Quem tiver bom senso que volte atrás". Leia abaixo a íntegra:

Se há algo que efetivamente incomoda quem chegou ao poder por meio do controverso processo em curso crave-se sem pestanejar: a narrativa do/de golpe. Se há algo que vai ajudar — e muito! — essa narrativa é o atalho de ritos processuais depois de definidos os rumos do processo. O senador Raimundo Lira erra, muito e feio, ao propor esses atalhos. Prejudica com isso o próprio governo a quem deseja servir e a todos que urdiram junto com ele esse atalho. Certamente o Supremo Tribunal Federal tomará uma posição dura contra a maioria eventual do Senado. Está em curso uma lambança que vai desacreditar ainda mais o jaboticabal em que o Brasil tem se transformado perante o mundo. Quem tiver bom senso que volte atrás. Aliás, houve quem dissesse, há dias, que não tem compromisso com o erro e se erro houvesse, que se regredisse nas decisões. Logo, não é hora disso não?

No 247

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.