20 de jun de 2016

A política tomou conta da PF, do MP e de quem mais?


A nota aí de cima é da coluna Radar, da Veja.

Mostra a nova atribuição da Polícia Federal: a de descobrir quem é ou quem pode ser candidato em eleições presidenciais.

E, se for verdade, outra novidade, o posto máximo de fiscal da lei ser usado como trampolim eleitoral.

Infelizmente, a degradação da vida brasileira chegou a um ponto em que não se pode duvidar de nenhuma das duas hipóteses.

Como se vê, nossas instituições estão funcionando normalmente, com a isenção e o o profissionalismo que todos esperamos delas.

Fernando Brito
No Tijolaço

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.