29 de fev de 2016

Golpista evanjegue Deltan Dallagnol desconhece as leis do país

Ele
O procurador da Lava a Jato disse: "Existem basicamente dois modos de você responder uma acusação. O primeiro modo é mostrar que aquilo que a pessoa disse é mentira e que está errado. O segundo é desacreditar e tirar a credibilidade das pessoas que te acusam. O que vários acusados têm feito diante da robustez das provas é buscar agredir o acusador, tentando tirar desse modo a credibilidade. Mas isso é criar uma espécie de teoria da conspiração." afirmou o procurador.

(Fim de citação).

Falo eu agora: não é o acusado que tem de provar que a acusação "é mentira". É o acusador que precisa provar que sua acusação procede.

Renato Janine Ribeiro
No Esquerda Caviar

3 comentários:

  1. Para esconder seus protegidos e acusar seus perseguidos, sob as ordens dos seus "Patrões", eles subvertem a ordem das Leis. São Procuradores "concurseiros", que estudaram para serem aprovados em concursos, mas, que, não conhecem com profundidade as Leis que precisam defender, e se perdem numa simples entrevista, quando fazem esse tipo de citação. "Existem basicamente dois modos de você responder uma acusação. O primeiro modo é mostrar que aquilo que a pessoa disse é mentira e que está errado. O segundo é desacreditar e tirar a credibilidade das pessoas que te acusam. O que vários acusados têm feito diante da robustez das provas é buscar agredir o acusador, tentando tirar desse modo a credibilidade. Mas isso é criar uma espécie de teoria da conspiração." De acordo com a Lei, não é o acusado que tem de provar que a acusação "é mentira". É o acusador que precisa provar que sua acusação procede. Isso só prova a falta de conhecimento de muitos desses "Procuradores"!

    ResponderExcluir
  2. Dizia o Mário Quintana: diploma não encurta orelha de ninguém!!!

    ResponderExcluir

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.