9 de out. de 2014

Mensalão pernambucano: Romero Pontual é o homem forte do PSB, conclui PF


Relatório produzido pela Polícia Federal, no âmbito do Inquérito nº 433/2007, já em poder da Procuradoria da República, em Pernambuco, desde 2013, conclui que Romero Pontual, apesar de exercer apenas a função de presidente da CEASA, "é homem forte do PSB", possuindo "muitas conexões com pessoas das mais diversas camadas sociais. Transitando nas mais altas rodas do poder governamental estadual e federal bem como no meio empresarial. Por conta disto, costuma intermediar negociações entre governo e empresários. Tem um negócio de fornecimento de alimentação com o filho, ROMERINHO, e o sobrinho GUILHERME (GUEGO).


Das conversas flagradas pelos agentes da Polícia Federal, mediante escutas telefônicas autorizadas pela Justiça, é possível constatar a ascendência do "homem forte do PSB", Romero Pontual, sobre vários outros nomes do Partido que exerceram cargos de relevância no governo Eduardo Campos, inclusive sobre o recém eleito governado Paulo Câmara, chamado de Paulinho, nas conversas e os também recém eleitos deputados federais Tadeu Alencar e Nilton Mota, o Niltinho.

Com relação aos grampos das conversas flagradas entre Romero Pontual e Nilton Mota, os agentes federais chegam a concluir que graças à proximidade com este é que Romero Pontual tinha facilidades de trânsito na Secretaria de Educação de Pernambuco e para gerenciar os esquemas de fraudes em licitações naquela Secretarias. Os agentes federais também desconfiam que Romero Pontual teria assumido o fornecimento de alimentos para a Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho em operação suspeita que poderia "configurar-se em fraude no processo licitatório":




Mas os tentáculos do "homem forte do PSB", Romero Pontual não estavam limitados, conforme já fora percebido pelos agentes da Polícia Federal em relatórios anteriores, à SEDUC, mas a diversos órgãos do governo do Estado e até da Procuradoria Geral do Estado de Pernambuco, chegando ao ponto de indicar qual procuradora deveria receber o processo de processos de licitação de seu interesse: "Analisando áudios de setembro, pode-se constatar a influência de ROMERO sobre a PGE e como consegue, com TADEU ALENCAR (Procurador-Geral) direcionar o processo para que uma procuradora (TACIANA XAVIER) opine favoravelmente à dispensa de licitação".

















No Blog da Noelia Brito

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários com links NÃO serão aceitos.

Os comentários são de total responsabilidade de seus autores e não representam necessariamente a opinião do blog

Comentários anônimos NÃO serão publicados, como também não serão tolerados spams, insultos, discriminação, difamação ou ataques pessoais a quem quer que seja.

É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O blog poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.